25 de dez de 2013

Ho ho ho...

arvore de natal feinha
Nesse final de ano só duas certezas: a gente só planta o que colhe e que é importante se acostumar com isso...
Queria mesmo ter alguém para culpar pelas mazelas que ocorreram comigo em todas essas  décadas, mas simplesmente não consigo.O mimimi que aparece (misturado com "coitadismo") em muitos textos nessa época do ano chegam a irritar e a arrogância de alguns falando como se o universo jogasse contra é de uma babaquice sem limites.
Normalmente quem fala algo assim sente que as outras pessoas estão cumprindo mal o respectivo papel no "filme" da sua vida sem se dar conta que o próprio não é diretor (tampouco roteirista), mas apenas outro ator (muitas vezes ruim).
Então nesse final de ano desejo que, simplesmente, os "mimizentos" de plantão parem de procurar culpa nos outros, olhem para si, entendam que somos responsáveis pelas coisas "tronxas" que acontecem com a gente e cresçam como pessoa.
Feliz natal, bom final de 2013 e ótimo 2014 para todo mundo.
Postar um comentário

25 de dez de 2013

Ho ho ho...

arvore de natal feinha
Nesse final de ano só duas certezas: a gente só planta o que colhe e que é importante se acostumar com isso...
Queria mesmo ter alguém para culpar pelas mazelas que ocorreram comigo em todas essas  décadas, mas simplesmente não consigo.O mimimi que aparece (misturado com "coitadismo") em muitos textos nessa época do ano chegam a irritar e a arrogância de alguns falando como se o universo jogasse contra é de uma babaquice sem limites.
Normalmente quem fala algo assim sente que as outras pessoas estão cumprindo mal o respectivo papel no "filme" da sua vida sem se dar conta que o próprio não é diretor (tampouco roteirista), mas apenas outro ator (muitas vezes ruim).
Então nesse final de ano desejo que, simplesmente, os "mimizentos" de plantão parem de procurar culpa nos outros, olhem para si, entendam que somos responsáveis pelas coisas "tronxas" que acontecem com a gente e cresçam como pessoa.
Feliz natal, bom final de 2013 e ótimo 2014 para todo mundo.
Postar um comentário